Jesus e Sua Noiva: O Retrato do Amor Verdadeiro

CLIQUE AQUI PARA VISUALIZAR O GUIA EM PDF.

Efésios 5.25-27, 29

ouvidos-atentos

No final da minissérie “A Videira Verdadeira” Jesus deu este mandamento aos Seus discípulos: “amem-se uns aos outros como eu os amei” (Jo 15.12). Neste domingo, na véspera do dia dos namorados, nós estudamos o texto de Efésios 5.25-27, 29 para entender como Jesus nos amou pelo contexto do retrato do matrimônio.

Observamos que muitas vezes lemos o texto de Efésios pensando apenas em como aplicar aos maridos, pois começa com o famoso mandamento aos maridos “amem suas mulheres”. De fato, a riqueza do texto está no exemplo de Cristo. Os maridos têm um tremendo retrato do amor que Deus quer que tenham pelas esposas: o amor de Jesus por Sua noiva, a igreja.

Examinamos o texto de forma visual para entender que o amor de Cristo pela noiva começou antes da criação, visando as bodas que só acontecerão no fim dos tempos. Ele amou Sua noiva, decidindo entrar em aliança com ela antes mesmo de ela existir. Para ser apresentada ao Rei dos reis, ela terá que ser perfeita (“sem mancha nem ruga…mas santa e inculpável”). Mas, como sabemos, a noiva, que é constituída de seres humanos pecadores, não é nenhuma dessas coisas. Mas a solução para isso já estava no plano de Deus: Jesus entregou Sua vida, derramando  Seu sangue na cruz, a fim de santificá-la, ou separá-la para o uso exclusivo de Deus. A purificação dela Ele operou pela Palavra (como vimos com os discípulos em Jo 13.6-11; 15.3).

Até aquele momento futuro em que apresentar Sua noiva a Si mesmo, Ele cuida dela e a alimenta como Seu próprio corpo (Ef 5.29).

coracoes-abertos

Tendo examinado o retrato de como Jesus nos amou, perguntamos, “O que Deus procura nos nossos relacionamentos?” Dividimos a resposta em cinco partes:

Amor

Já falamos muito sobre a diferença do amor do mundo, que é norteada pelos sentimentos, e o amor pactual de Deus. Que definição você está aplicando ao seu amor pelos outros? Você coloca condições no seu amor? (“Faça isso, e o amarei”, ou “amarei contanto que não faça aquilo”.) Está amando os outros como Jesus o amou?

Sacrifício

O seu amor leva ao sacrifício pelos outros? De que forma você está renunciando sua vida pelos outros à sua volta? Você cobra isso deles? (“Eu faço tudo isso por você, e o que recebo em troca?”)

Consagração

Você reconhece verdadeiramente que pertence a Deus? Sua vida, sua agenda, seu tempo, suas prioridades, etc., estão consagradas ao uso de Deus? Ou Deus é apenas um passatempo que você encaixa na “sua” vida?

Pureza

Avalie sua vida. Será que pode dizer que não há “nem sequer uma menção…de qualquer espécie de impureza…”? Esse é o patamar que Deus estabeleceu; é possível viver nesse nível de pureza? Sem Cristo, certamente que não! O que nos purifica? A Palavra de Deus tem esse efeito purificador em sua vida?

Santidade

De certa forma, nunca alcançaremos a santidade real durante essa vida. Devemos desistir, então? Como você pode permitir que Cristo transforme sua vida diariamente? Seu alvo diário é a santidade que Ele concede pelo Seu sacrifício na cruz?

 

maos-estendidas

Numa folha de papel, aliste as seguintes categorias, deixando um espaço em branco depois de cada item. Usando a seção “Corações Abertos” como guia de como Jesus amou Sua noiva, anote formas práticas de expressar o seu amor pelas pessoas em cada categoria. Procure ver onde há falta de amor bíblico, e determine amar (decisão racional que precede sentimento) aquela(s) pessoa(s), sacrificar-se por ela(s), consagrar aquele(s) relacionamento(s) para Deus, purificando suas interações pela Palavra, com a finalidade de viver em santidade com essa(s) pessoa(s).

No casamento. (Solteiros: Como você está amando agora o seu cônjuge futuro? Divorciados: Como você demonstra amor pelo seu ex-cônjuge?Viúvos: Como você pode adaptar o amor para sua situação?)

Na família. (Como você ama as pessoas que moram debaixo do mesmo teto? Como você ama as pessoas da sua família estendida?)

Na igreja. (Essa é uma categoria essencial. Como você vive como o corpo de Cristo com as outras pessoas que fazem parte da sua igreja local?)

No trabalho/escola. (Como você ama seus colegas de trabalho e/ou escola?)

Na sociedade. (Como você ama os seus vizinhos e pessoas que vê regularmente? Como você pode desenvolver relacionamentos estratégicos para alcançar pessoas não salvas com o amor de Jesus?)

 

mentes-ocupadas

Dia 1

Efésios 5.1-33

Dia 2

Mateus 22.37-40

Dia 3

Filipenses 2.1-11 (esp. 3, 4)

Dia 4

Levítico 19.1-37

Dia 5

Levítico 20.1-27

Dia 6

Ezequiel 16.1-44

Dia 7

Ezequiel 16.45-63

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *