Nossa Mãe: O que a Bíblia ensina sobre Eva?

CLIQUE AQUI PARA VISUALIZAR O GUIA EM PDF.

“ADÃO DEU À SUA MULHER O NOME DE EVA, POIS ELA SERIA MÃE DE TODA A HUMANIDADE”. (GÊNESIS 3.20)

No dia das mães do ano passado, ouvimos uma mensagem intitulada “Nossa Mãe?”, onde aprendemos a distinção entre a Maria da religiosidade e a Maria da Bíblia. Neste ano ouvimos uma mensagem a respeito da única mulher que pode ser chamada “Nossa Mãe”: aprendemos o que a Bíblia ensina sobre Eva, a primeira mulher, esposa e mãe de toda a raça a humana.

Embora não existam muitos textos que falam sobre Eva, podemos aprender muito com ela, especialmente sobre o papel da mulher na visão de Deus. Observamos que no relato da criação a Bíblia usa três palavras para descrever Eva, e que essas descrições apontam para o fato que Deus queria que Eva servisse de modelo para sua descendência. Primeiro, na declaração da criação, a Bíblia diz que ela é mulher (literalmente, “fêmea”, Gn 1.27, 28), um ser humano com qualidades fisiológicas e espirituais distintas do homem (“macho”). A mulher, como o homem, foi feita na imagem e semelhança de Deus, mas, como diz o pastor americano John Piper, de tal forma que ela reflete qualidades que não conheceríamos não fosse a sua existência. Em segundo lugar, quando Gênesis 2 expande o relato da criação do homem e da mulher, Adão declara que ela é sua esposa (literalmente, “mulher”, mas no contexto do casamento, Gn 2.23, 24). Finalmente, Adão dá a sua esposa o nome de Eva (“aquela que dá a vida”) porque ela seria mãe de todos os seres humanos (Gn 3.20). Podemos ver nessas qualidades a Eva como o modelo divino da perfeição da feminilidade, e como isso é diferente da nossa realidade atual. O que aconteceu?

Infelizmente, por causa das suas escolhas, Eva também tornou-se modelo de todas as imperfeições e os desvios do plano de Deus que se manifestaram ao longo da história. Ela foi a primeira entre as mulheres a ser enganada e a pecar, e isso teve grandes consequências. Ela foi a primeira a sofrer rejeição do seu marido e a primeira a passar pelo sofrimento da gravidez e do parto. Também foi a primeira mãe a sofrer com as decisões dos filhos, sendo a mãe do primeiro homicida, como também a primeira vítima de homicídio.

Felizmente, Deus permitiu que Eva fosse também modelo da esperança, pois foi por meio do descendente (a “semente”, Gn 3.15) dela que Deus prometeu a vinda do nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo.

Por causa do dia das mães, o foco no domingo foi observar o papel de Eva, mas certamente há lições no relato da origem do ser humano para toda a raça humana.

Para homens e mulheres em geral.

O que a Bíblia ensina sobre a origem da raça humana é muito diferente da cosmovisão ateísta/evolucionista. Antes de aceitarmos o relato bíblico, é necessário para cada indivíduo o passo da fé: precisamos acreditar, no mínimo, que Deus existe, e que Ele revelou a verdade para humanidade. Assim conheceremos o propósito dEle para cada indivíduo dentro do seu papel como homem (macho) ou mulher (fêmea) diante do Deus Criador. Você crê na Palavra de Deus? Você conhece o seu papel e propósito dentro do plano dEle? Você entende que a única forma de cumprir esse papel corretamente é por meio de um coração transformado pela graça de Deus, mediante a fé em Cristo Jesus como seu Salvador?

Para homens e mulheres no contexto do casamento.

Já falamos muito dos papéis dos homens e das mulheres dentro do casamento na nossa comunidade. Você crê nisso? É uma fé funcional—impacta a sua vida como cônjuge—ou uma fé platônica, que só existe no mundo das ideias? Como sua vida em Jesus tem transformado sua vida conjugal?

Para homens e mulheres no contexto da criação de filhos.

Você tem a mesma atitude que Deus acerca de filhos? Ou adotou o pensamento do mundo, que levado ao extremo, até permite o assassinato de crianças indesejadas no útero? Está criando os seus filhos de acordo com os conselhos de Deus, e apontando-os para o seu Criador? Está inculcando o que a Bíblia ensina nos seus filhos, para que eles também creiam no plano de Deus para eles como homens/mulheres, maridos/esposas e pais/mães?

Existem princípios para a humanidade presentes na perfeição do Éden que Deus está resgatando em Cristo. Nunca voltaremos para o Éden, mas temos a esperança de novos céus e nova terra na eternidade futura. Como falamos no nosso estudo de Colossenses, a perfeição é uma verdade objetiva estabelecida por Deus em Cristo, nós ainda não manifestamos essa perfeição porque não a alcançamos na nossa linha do tempo. O propósito de Deus em Cristo é que diariamente tomemos passos rumo à perfeição da imagem de Jesus pela renúncia dos velhos desejos e hábitos da carne (natureza pecaminosa que já morreu, mas que nos “assombra”).

O estudo de Adão e Eva é interessante porque podemos enxergar neles o plano de Deus para o ser humano nos seus respectivos papéis de homem/mulher, marido/esposa e pai/mãe.

“Mas eles viviam sem pecado! Como posso seguir o exemplo deles?”

Pela fé em Cristo, Deus resolveu, de uma vez por todas, o seu problema de pecado. A vida em Cristo é despertar para uma vida nova, onde vencer o pecado é possível porque já foi derrotado por Cristo.

Leia Gênesis 1-3 novamente. Numa folha de papel, responda as seguintes perguntas como intuito de por em prática os princípios bíblicos que achamos no relato da origem da criação e da humanidade.

Que afirmações a Bíblia faz sobre a origem do universo? Como elas vão na contramão das afirmações feitas pela sociedade hoje? (Considere: a Bíblia contraria a ciência, ou contraria a opinião de cientistas com um viés ateísta?)

Que afirmações a Bíblia faz sobre o ser humano? São diferentes das afirmações atuais a respeito de sexo/gênero, matrimônio, paternidade, etc.?

Que passos práticos posso tomar para viver a minha fé nesses princípios? Como posso usar o relato da criação como ferramenta evangelística: que apontará as pessoas para o Deus Criador, o Homem Pecador, o Cristo Salvador e uma Decisão Crítica?

Dia 1

Gênesis 1.1-2.3

Dia 2

Gênesis 2.4-25

Dia 3

Gênesis 3.1-24

Dia 4

1 Timóteo 2.9-15

Dia 5

1 Coríntios 11.1-16

Dia 6

Provérbios 31.9-31

Dia 7

1 Pedro 3.1-7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *